,

10 dicas para aproveitar melhor a faixa-branca, com Ricardo Zanelato

Ricardo Zanelato com seus alunos da Lótus Club São Paulo. Foto: Divulgação

É muito comum as academias de Jiu-Jitsu lotarem em época de troca de faixas. Isso é um engano pois a graduação é a consagração do trabalho desempenhado durante todo o ano. Aqui vão algumas dicas do professor e competidor Ricardo Zanelato (Lótus Club Jiu-Jitsu) para que o aluno se mantenha focado e motivado e alcance, assim, as tão almejadas faixas ou graus.

1. CONFIANÇA NO PROFESSOR/ESCOLA
Partindo do pressuposto que você escolheu uma academia/escola de Jiu-Jitsu idônea, acredite no seu professor. As aulas são sempre direcionadas para o nível do aluno faixa-branca. Duvidar do que se está sendo ensinado não é uma forma de evoluir em direção às graduações.

2. ASSIDUIDADE
O aluno deve praticar as aulas de Jiu-Jitsu de duas a três vezes por semana, o máximo possível durante o ano, sempre respeitando os descansos.

3. LOGÍSTICA
Com o tempo cada vez mais escasso é necessário que o aluno programe as tarefas diárias e tenha controle do tempo das distâncias a serem percorridas até a academia, tendo assim, uma logística favorável para a frequência nas aulas.

4. MUITA PACIÊNCIA
Somos eternos aprendizes, portanto, cada aluno tem o seu tempo. Nunca se compare a um colega e, sim, o quanto você evoluiu sobre si mesmo.

5. TOLERÂNCIA À FRUSTRAÇÃO
Certas verdades são inescapáveis: a vitória está longe e por mais didática que seja a aula, amassos virão.

6. MUDANÇA DE HÁBITOS
Com a prática das aulas você sentirá necessidade de novos hábitos diários extra tatame, tais como: melhor qualidade do sono, alimentação balanceada, higiene e pontualidade.

7. PREVENÇÃO DE LESÕES
Não hesite em dar os “três tapinhas” (em quem está lhe aplicando o golpe e nunca no tatame). Saiba desistir nos golpes encaixados diminuindo assim o risco de lesões, ficando longevo durante o ano.

8. COMPETIÇÃO
Não é necessário competir para graduar. Alguns alunos, sim, procuram se aventurar nos campeonatos, o que nada de mal tem nisso.

9. RESPEITO AOS COLEGAS
Seus colegas de treino não são inimigos, pelo contrário, ele empresta o corpo para a sua evolução e vice-versa. Novas amizades com certeza virão.

10. GRADUAÇÃO COMO CONSEQUÊNCIA
Aprenda Jiu-Jitsu com um olhar amplo em todos os benefícios que a luta pode lhe dar e não somente pelo status da faixa ou graus.

This article first appeared at Graciemag

What do you think?

0 points
Upvote Downvote

Total votes: 0

Upvotes: 0

Upvotes percentage: 0.000000%

Downvotes: 0

Downvotes percentage: 0.000000%